Tamanho do pênis e disfunção erétil

A anatomia do pênis é formada por um par de cilindros superiores, conhecidos como corpos cavernosos, e um cilindro inferior único, chamado de corpo esponjoso.

O corpo esponjoso é o elemento responsável por envolver a uretra além de fazer parta da glande, conhecia popularmente como “cabeça do pênis”.

No processo de ereção, o sangue começa a preencher todas essas camadas localizadas no interior dos cilindros.

Portanto, o tamanho do pênis fica limitado na sua grossura e comprimento pela extensão máxima que o tecido pode se distender. Por isso alguns homens têm órgãos sexuais maiores e menores.

Como saber o tamanho do pênis

O que vem a ser um pênis de tamanho normal? Em relação ao tamanho, é aquele que satisfaz ao homem e a sua parceira ou parceiro.

Mas caso você queira descobrir o tamanho do seu pênis, pegue uma fita métrica e posicione na base.

Em seguida, estenda a fita até a sua extremidade e confira o comprimento.

Tamanho do pênis têm relação com disfunção erétil?

Podemos dizer que não há uma relação direta entre o tamanho do pênis e a impotência sexual.

No entanto, o homem deve ficar atento se notar que tem cada vez mais dificuldade para atingir o mesmo patamar de extensão do pênis.

Para completar, existem uma série de sinais que podem apontar uma eventual impotência sexual.

O primeiro passo para saber se o homem é portador de uma disfunção erétil patológica é o contexto do ato sexual.

Uma interrupção de ereção momentânea (a famosa “brochada”) não significa o fim das atividades sexuais que envolvam penetração.

O nervosismo, a culpa e a insegurança, dentre outros fatores emocionais, também contribuem para a chamada disfunção erétil situacional.

A disfunção erétil torna-se caso clínico sujeito a tratamento quando há comprometimento da manutenção da ereção antes ou durante o ato sexual.

Infelizmente ainda há muito preconceito e vergonha em admitir esse problema, mas isso está mudando pouco a pouco, já que o homem percebe, ainda que a passos lentos, a importância do sexo não só na reprodução e no ego, mas na saúde e na qualidade de vida.

Os sintomas da disfunção erétil aos quais o homem deve ficar atento são, na maioria das vezes, as seguintes:

  • Dificuldade em conseguir ou manter o pênis ereto em 20 por cento das relações sexuais (cerca de uma vez em quatro);
  • Diminuição das ereções matinais;
  • Dificuldade em manter a ereção durante o ato sexual e persistência desta sintomatologia por mais de 30 dias;
  • Aumento do tempo que se leva para o pênis ficar ereto;
  • Ejacular ou ter orgasmo rapidamente ou com pênis em meia-vida erétil (o popular “meia-bomba”).

Se você tiver quaisquer destes sintomas, não demore e nem se envergonhe. Procure seu urologista de confiança.

Fonte: https://www.henriquepazin.com/xtrasize-funciona/

One Reply to “Tamanho do pênis e disfunção erétil”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *