4 dicas para deixar sua empresa compatível com a GDPR

melhor curso seoOlá pessoal, hoje vou compartilhar com vocês como a GDPR vai afetar seus negócios. Se vocês não estão familiarizados com isso, a GDPR saiu e para toda a União Europeia, é sobre direitos de dados e privacidade para proteger pessoas como você.

Aqui está a coisa, se você não cumprir com as leis da GDPR e estiver fazendo negócios na União Europeia, você poderá receber multas de milhares de dólares. E isso depende da regra que você quebrou, e com base nisso a
penalidade muda. Mas está em torno dos milhões, algumas vezes sete milhões, 10, 20 milhões, as taxas são ridículas.

Então você deve se certificar de que está cumprindo as regras da GDPR. Agora, eu não sou advogado. Então não leve tudo que eu digo ao pé da letra. Você ainda deve consultar um advogado, mas eu vou te dar algumas dicas da GDPR porque isso afeta os profissionais de marketing, e o que você pode fazer para garantir que ainda está gerando a mesma quantidade de vendas enquanto está cumprindo as regras GDPR.

Dicas da GDPR

curso de seoEntão a primeira coisa é, se você estiver coletando e-mails, o que a maioria dos sites faz, seja na página de checkout, num e-book ou em um opt-in, você não pode simplesmente enviar ofertas promocionais para essas pessoas, apesar de elas terem acabado de comprar um produto seu.

Só porque as pessoas estão fazendo checkout e comprando um produto não significa que elas estão se cadastrando para receber seus e-mails continuamente. Ou por outro lado, se uma pessoa estiver se cadastrando para receber um e-book, não significa que ela também está se cadastrando na sua newsletter.

Então, se você olhar, em alguns sites, tem duas caixas para marcar sempre que coleto e-mails. Eu adicionei uma para as pessoas seguirem ou concordarem com meus termos de serviço e política de privacidade. E eu também faço as pessoas concordarem com quando elas se cadastrarem elas não vão receber somente este e-book ou esta dica.

Elas também vão receber newsletters ou e-mails semanais que darão mais dicas de marketing para elas. Agora, se eu fosse enviar anúncios para as pessoas por meus e-mails, eu também teria uma caixa de seleção que informa que elas também permitem e-mails com anúncios.

Mas eu não aceito realmente anúncios ou dinheiro para enviar e-mail em massa. Então eu não preciso fornecer uma caixa de seleção que explicitamente explica que eu vou mandar e-mails promocionais para pessoas quando se trata de anúncios.

Também existem problemas com cookies, e essa é a segunda coisa que vocês devem seguir. Se uma pessoa estiver indo para o seu site na UE, coloque um pequeno aviso na parte inferior do seu site, e você pode falar com um advogado para descobrir o texto certo, algo como: “Esse site utiliza cookies para fornecer uma experiência melhor”.

Elas podem clicar no botão de aceitar ou de recusar, se você não quiser usar o botão de recusar, você pode colocar um botão que diz “aprenda mais”, e isso levará elas para a política de privacidade.

A terceira dica que tenho para você é, fale para as pessoas na sua política de privacidade sobre as soluções de monitoramento e os serviços de terceiros que você está usando. Fale para elas quanto tempo os cookies  vão durar, se você está usando uma solução de e-mail.

Ou se você estiver usando algo como o Google Analytics, fale para elas onde podem se descadastrar. Fale para elas como podem deletar seus dados, porque dessa forma se o usuário não quiser ser monitorado, ele pode se descadastrar. Se eles quiserem deletar os dados deles eles podem te mandar e-mail, ou qualquer email que esteja na política de privacidade e claro, eles podem remover todas as informações deles do seu sistema ou banco de dados.

A última dica que tenho para você é, deixe muito claro quais são suas políticas de dados. Então, quando uma pessoa quer que a informação dela seja excluída, o que você vai fazer para apagar, como você vai documentar isso, quais são os procedimentos, como você vai treinar pessoas na sua equipe? Você deve documentar tudo isso, e falar para as pessoas que você está fazendo tudo isso.

E ao seguir essas regras simples, você estará mais compatível com a GDPR. Agora, aqui está a coisa, muitas pessoas vem falando para mim: “Eu não quero adicionar essas caixas de seleção para coletar e-mails e fazer as pessoas concordarem com minha política de privacidade, porque isso só vai fazer as pessoas não se cadastrarem”.

Bom, deixa eu te falar algo interessante. Eu implementei isso, as minhas taxas de opt in não mudaram. Eu não fiz isso apenas para UE, eu fiz globalmente, porque eu acredito que você não deve apenas levar as preocupações de privacidade extrema para UE, por que não fazer isso em todo o mundo?

E fazendo isso descobri que minha taxa de opt-in não está aumentando nem diminuindo ao incluir as caixas de seleção, está ficando o mesmo.  Então por que não fazer isso globalmente? E foi isso que eu fiz.

Agora, se você quiser uma dica bônus, eu verificaria o Privacy Shield. Se você estiver nos EUA, é um programa que ajuda as empresas dos EUA a serem mais compatíveis com a GDPR. Novamente, não sou advogado, então não sei todos os detalhes técnicos para isso, mas sei que meu advogado fez eu me aplicar nisso e seguir todos os procedimentos.

Isso simplesmente garante que você está fazendo o que é melhor para os usuários. E mais uma vez, espero que mais países sigam estruturas semelhantes. Então não faça as coisas da GDPR apenas para UE, considere fazer isso para todos. Ao fazer isso, você vai ser mais respeitoso com as informações pessoais das pessoas, os dados privados delas e o melhor de tudo, elas vão ficar felizes com você.

E então, digamos que os EUA passem algumas leis, então você não vai ter que voltar e limpar sua lista pensando: “Ah, eu nunca pedi permissão para todas essas pessoas, então deixa eu limpar minha lista”. É irritante, você não quer fazer isso, então apenas siga a medida extrema de ser compatível com a GDPR não apenas na UE, mas praticamente no mundo inteiro.

Então siga essas dicas, espero que você se saia bem, você deve manter a mesma quantidade de vendas. Se você tiver dúvidas sobre a GDPR, fique à vontade para deixar um comentário, me avise, eu responderei, farei o meu melhor. Mais uma vez, eu não sou advogado, então você pode querer verificar os fatos novamente com um advogado, mas obrigado por ler esse artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *