Saiba quais são os riscos das dosagens de medicamentos?

Medicamentos para emagrecer devem ser usados quando aliados a uma alimentação saudável, prática de exercícios e quando apenas essas alternativas não dão o resultado da perda de peso, realizando o tratamento de a reeducação alimentar, é assim que os remédios auxiliam no processo de emagrecimento.

Você sabe Tribulus Terrestris para que serve e como ele pode te ajudar se você consumi-lo da forma correta?

Mesmo que os remédios sejam considerados seguros, se usado de maneira correta, podem causar uma série de efeitos colaterais, cada tipo de medicação tem um efeito colateral específico, agindo de acordo com o metabolismo de cada um.

Dosagens Ideais de Tribulus Terrestris

Dosagem de Tribulus

É necessário que você entenda que existe uma maneira correta de como tomar Tribulus Terrestris.

A dosagem ideal de Tribulus não há uma dosagem própria, cada fabricante recomenda a sua própria dose, mas a dose diária que se indica a ser ingerida é de 500 mg a 2000 mg, o variando com a concentração dos comprimidos e dos objetivos de cada usuário, para essa versão deve-se seguir as orientações da bula ou da embalagem, respeitando horários indicados, recomenda-se que sejam ingeridos, com água, a cada 8 horas, três vezes ao dia.

Já o uso dos chás pode ser feito três vezes ao dia, em caso de menores concentrações as doses podem ser mais elevadas, chegando a 2g por dia, sendo feito com uma colher de sopa de folhas picadas para uma xícara de água, com 200 ml.

Os extratos secos, os quais possuem cerca de 70% de saponinas, se recomenda uma dosagem entre 85 mg a 250 mg, também podem ser adicionadas a qualquer líquido, não alcoólico.

No que se trata de horários a recomendação é dada de forma geral, consumo fracionado, onde a ingestão deve ser distribuída ao longo dos dias, dois ou três vezes, cerca de 45 minutos antes das principais refeições.

Mas caso o objetivo seja de melhorar o desempenho sexual as doses podem se concentrar próximo ao momento da janta ou de dormir, sendo assim, uma única dosagem no dia.

As dosagens ideais devem ser analisadas nas embalagens e bulas das medicações, ou conforme indicações do profissional da saúde, pois deve ser levado em consideração o objetivo de cada usuário.

Risco de altas dosagens

As ingestões de medicamentos feitas de maneira errada podem causar variados e graves efeitos nos pacientes, imediatamente após a ingestão ou em longo prazo.

É preciso que se tenha cuidado e atenção com os medicamentos, muitos usuários acreditam que não precisam seguir as orientações prescritas em seus rótulos, bulas e até mesmo pelos profissionais, havendo consumo sem moderação.

Esse uso indiscriminado pode causar:

Intoxicação: a mais comum com altas dosagens, todos os medicamentos apresentam uma dose letal.

Falência dos órgãos: acontece num longo período, levando até a necessidade de um transplante de fígado.

Efeitos paradoxais: as altas dosagens podem causar efeitos aumentando as chances de efeito suicidas e de automutilação.

Efeitos em longo prazo

Além de irritar a mucosa gástrica, ocasionando gastrite e úlceras, há substância que aumenta o risco de infarto e falência cardíaca, é preciso ficar atento, sendo importante destacar que mesmo que as doses indicadas nas bulas podem causar overdose, quando combinadas com bebidas alcoólicas, drogas ilícitas e até mesmo com outros medicamentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *