26/11/2014
Fique ligado
Você está aqui: Capa » Geral » Letras de Músicas – As Composições que Traduzem os Sentimentos

Letras de Músicas – As Composições que Traduzem os Sentimentos

Letras de MúsicasA música tem uma influência especial sobre os seres humanos. Ela consegue encantar, emocionar, estimular e até acalmar o estado emocional das pessoas. Além disso, as letras das canções sempre trazem mensagens que podem despertar diversos sentimentos, bons ou ruins, como amor, saudade, alegria, raiva, revolta, entre outros.

As letras de músicas também traduzem os sentimentos e pensamentos dos compositores, que sempre se inspiram em algum fato para criar as canções. Muitas são baseadas em temas relacionados ao amor. Amores impossíveis e companheiros que foram embora são alguns dos assuntos mais presentes nas letras de músicas românticas, pois têm grande valor sentimental.

A MPB, o Sertanejo, o Pop e o Samba são os estilos musicais que mais colocam sentimentos em suas letras. O Sertanejo, porém, lidera essa lista e tem representantes que batem recordes de vendas de discos e de público em shows, como os cantores Luan Santana, Gusttavo Lima e as duplas Victor e Léo, Jorge & Mateus e Fernando e Sorocaba.

Outro estilo que também trata do amor é o Gospel. As músicas religiosas têm invadido até outros gêneros e fazem muito sucesso com letras que falam de fé e esperança. Alguns dos artistas que mais se destacam no cenário atual da música Gospel são as cantoras Alline Barros e Fernanda Brum.

Mas nem só o amor é tema de músicas. Sentimentos como a revolta contra a sociedade e o governo também estão presentes nas canções, sobretudo no rock – movimento musical derivado do blues que tem como uma das características letras com conteúdos fortes, como a repressão política e costumes ultrapassados. Alguns exemplos de músicas do rock nacional que foram criadas sob esse contexto e ainda fazem muito sucesso são “Que País é Esse?” (Legião Urbana) e “Brasil, Mostra a sua Cara” (Cazuza).

Gostou? Tem alguma sugestão ou crítica? Comente!

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>