31/07/2014
Fique ligado
Você está aqui: Capa » Casa e Família » Filhos » Adolescência – Dicas de como Decorar o Quarto dos Adolescentes

Adolescência – Dicas de como Decorar o Quarto dos Adolescentes

quarto para adolescentesA dolorosa fase de transição entre a vida infantil, cheia de brincadeiras, e a adolescência não é sentida somente pelos pais. As jovens criaturas de 8 a 12 anos também estão se descobrindo, amadurecendo (ou não). Enquanto alguns hábitos são deixados, outros tantos são adquiridos. E nesse turbilhão de mudanças, o quarto que era espaço de brincadeiras pode se tornar um refúgio e também uma oportunidade para experimentar novas formas de expressão.

Os pais não sabem muito como lidar com os quereres daqueles que ainda há pouco eram crianças e nem sequer opinavam sobre a cor da parede ou sobre as luminárias. Quando os filhos pedem pela mudança na decoração dos seus quartos, mães e pais logo planejam o que eles considerariam adequados aos seus queridos e geralmente esquecem que o dono do quarto começa a ganhar consciência de que tem seus direitos de escolha no seu território.

Fazendo acordos

O diálogo é sempre o melhor caminho para as mudanças. Em relação à nova decoração de um quarto de pré adolescentes é fundamental o equilíbrio entre os gostos dos habitantes do local e as preocupações parentais em relação ao conforto e a segurança.

Se a escrivaninha terá um computador, que a cadeira seja adequada para proporcionar uma postura adequada durante algumas horas. A iluminação até pode ser incrementada com uma lâmpada colorida, mas que ainda se mantenha pontos de luzes brancas para facilitar a leitura e outras atividades que requerem claridade no ambiente.

quarto para criançasUm pufe pode agradar filhos, pais e amigos. Mas há de se pensar em espaço suficiente para acomodar visitas de colegas de escola em noites de contos de terror e risadas. Tapetes podem alegrar o ambiente, desde que sejam frequentemente alvo de limpeza para evitar o acumulo de sujeira e ácaros.

Mas para muitas famílias a parede acaba se tornando motivo para algumas discussões. Geralmente, os pais procuram cores neutras, entretanto os filhos querem grandes contrastes coloridos. Na motivação para personalizar o ambiente, uma saída pode ser negociar a personalização de uma das paredes. Ou seja, enquanto três paredes reproduzem as vontades dos pais, uma pode ser uma grande tela de criatividade para os filhos. De desenhos, pinturas, recados até pôsteres de ídolos podem compor uma das paredes do quarto.

Gostou? Tem alguma sugestão ou crítica? Comente!

Deixe um comentário

3 comentários

  1. legal
    mais fotos

  2. quem dera se o meu fosse assim

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>